RSS

COMUNICADO CLG/UNIFAP Nº 001/2012

18 maio

COMANDO LOCAL DE GREVE DOS DOCENTES DA UNIFAP

Macapá, 17 de maio de 2012

Em 17 de maio de 2012, os professores da UNIFAP deram início à greve da categoria, por tempo indeterminado. Em ato público, ocorrido na entrada principal do Campus de Macapá, foi instituído o Comando Local de Greve (CLG). A greve da categoria envolve a suspensão das atividades de docência, mas será efetivada com portões abertos e atividades de mobilização diárias, no interior e exterior da Unifap, que serão devidamente definidas e informadas. Em seguida, os professores realizaram uma Assembleia, onde foi informado que qualquer demanda sobre realização de atividade docente deve ser encaminhada ao Comando Local de Greve.  A deflagração da greve envolve discussão de uma pauta nacional e outra local.

Pauta nacional:

1)      Pela reestruturação da carreira docente, prevista no Acordo firmado em 2011e descumprida pelo governo federal, com valorização do piso e incorporação das gratificações em 13 níveis remuneratórios, variação de 5% entre níveis a partir do piso para regime de 20 horas correspondente ao salário mínimo do Dieese (atualmente calculado em R$ 2.329,35), e percentuais de acréscimo relativos à titulação e ao regime de trabalho.

2)      Pela valorização e melhoria das condições de trabalho docente nas IFES;

Pauta local:

  1. Elaboração de critérios para distribuição de vagas para os concursos docentes;
  2. Revisão, com participação da comunidade acadêmica, da estrutura regimental, administrativa e acadêmica da UNIFAP;
  3. Ampla discussão sobre PDI com a comunidade acadêmica para a construção coletiva do documento;
  4. Condições adequadas de trabalho para os professores, envolvendo ensino/pesquisa/extensão. Salas para trabalho, equipamentos e materiais de consumo;
  5. Esclarecimentos sobre o curso de especialização em Saúde Coletiva.

Notificações oficiais aos Ministérios da Educação e do Planejamento, bem como a comunicação à sociedade, já ocorreram  a partir do ANDES-SN e, localmente, notificações de mesmo teor foram encaminhadas à Reitoria da UNIFAP e a imprensa local.

Nacionalmente, desde 17 de maio, os docentes de Instituições Federais de Ensino Superior iniciaram greve por tempo indeterminado, reivindicando tanto a reestruturação da carreira docente com valorização do piso e incorporação das gratificações, bem como melhoria das condições de trabalho docente.

Até o momento de finalização deste Comunicado, de acordo com o Comando Nacional de Greve (CNG), 33 IFES entraram em greve no dia 17 de maio. Entretanto, outras sete IFES deliberaram pela deflagração da greve para 21 ou 22 de maio (UFF; UFRB; UNIPAMPAS; UFEPE; UNB; UFRGS, UNIRIO) e outras realizarão Assembleia nos próximos dias.

Confira a lista de 17* Instituições Federais de Ensino onde a greve dos docentes começou nesta quinta:

  1. Universidade Federal do Amazonas (ADUA)
  2. Universidade Federal de Rondônia (SESDUF-RR)
  3. Universidade Federal Rural do Amazonas (ADUFRA)
  4. Universidade Federal do Pará /Central (ADUFPA)
  5. Universidade Federal do Pará /Marabá (SINDUFPA-MAR)
  6. Universidade Federal do Oeste do Pará (SINDUFOPA)
  7. Universidade Federal do Amapá (SINDUFAP)
  8. Universidade Federal do Maranhão (APRUMA)
  9. Universidade Federal do Piauí (ADUFPI)
  10. Universidade Federal do Semi-Árido (Mossoró) (ADUFESA)
  11. Universidade Federal da Paraíba (ADUFPB)
  12. Universidade Federal da Paraíba / Patos (ADUFPB-PATOS)
  13. Universidade Federal da Paraíba / Cajazeiras (ADUC)
  14. Universidade Federal de Campina Grande (ADUFCG)
  15. Universidade Federal Rural de Pernambuco (ADUFERPE)
  16. Universidade Federal de Alagoas (ADUFAL)
  17. Universidade Federal de Sergipe (ADUFS)
  18. Universidade Federal do Triângulo Mineiro (ADFMTM)
  19. Universidade Federal de Uberlândia (ADUFU)
  20. Universidade Federal de Viçosa (ASPUV)
  21. Universidade Federal de Lavras (ADUFLA)
  22. Universidade Federal de Ouro Preto (ADUFOP)
  23. Universidade Federal de São João Del Rey (ADFUNREI)
  24. Universidade Federal do Espírito Santo (ADUFES)
  25. Universidade Federal do Paraná (APUFPR)
  26. Universidade Federal do Rio Grande (APROFURG)
  27. Universidade Federal do Mato Grosso (ADUFMAT)
  28. Universidade Federal do Mato Grosso / Rondonópolis (ADUFMAT-ROO)
  29. Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (ADUR-RJ)
  30. Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (SINDFAFEID)
  31. Universidade Tecnológica Federal do Paraná (SINDUTF-PR)
  32. Instituto Federal do Piauí (SINDCEFET-PI)
  33. Instituto Federal de Minas Gerais (SINDCEFET-MG)

* De acordo com o último balanço realizado com informações enviadas ao CNG até às 17h do dia 17 de maio. Fonte: ANDES-SN.

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 18/05/2012 em Uncategorized

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: